Ariquemes

Ariquemes, RO

Boa Madrugada hoje é: 21/08/2017

  Facebook   Instagram

Compatilhar no Facebook

Transexual derrota 18 mulheres e é eleita Rainha do Rodeio em Cafelândia

facebook
  
  
G1 - Notícias, 10/01/2017 17h33 - 136 vizualizações
Transexual Diana Victoria Paes (Foto: Reprodução)
Transexual Diana Victoria Paes - Foto: Reprodução

Após derrotar 18 mulheres e ser eleita rainha do rodeio de Cafelândia (SP), a transexual Diana Victoria Paes foi recebida com aplausos na arena do evento no último final de semana. Com o título, Diana se tornou a primeira mulher transexual a virar rainha dos peões de boiadeiros do Brasil – segundo a Associação Brasileira LGBT, não há registros de transex com este título no Brasil.

“A cidade me surpreendeu. Na abertura eu não senti nenhum preconceito, pelo contrário, todo mundo me respeitando. Também me surpreendeu a mobilização nas redes sociais.”

Diana não conquistou apenas os jurados. Nos bastidores do rodeio, os peões também admiram e apoiam a nova rainha. “Eu trabalho em rodeios há mais de anos e é uma inovação, mas muito legal, gostei bastante e ela muito bonita”, ressalta Fábio Escarpellini, organizador de arena. “Eu achei muito positivo para a sociedade, é um exemplo para as outras comissões”, completa o comerciante Fernando Navas.

Apoio também vem das candidatas que concorreram com ela. Carolina Dalberto ficou com o título de princesa e falou que a concorrência foi difícil. “É difícil, mas é de igual para igual, com certeza para gente e principalmente para mim, ela é igual a nós, uma concorrente como qualquer outra, mas bem forte, porque é uma moça muito bonita, corpão e a simpatia. Na cidade todo mundo gosta dela”, conta.

Diana fez a cirurgia para mudança de sexo há 9 anos. Os traços femininos e o corpo perfeito ganham olhares admirados por onde ela passa. “É de dar inveja em qualquer mulher, ela é linda, maravilhosa”, afirma a técnica de enfermagem Tânia Goulart que foi conferir o rodeio.

“Nós só tivemos o cuidado com a documentação dela, conferir se ela já havia passado a documentação de masculino para feminino. Então não havia nenhum problema”, afirma a organizadora do concurso Lucineia Cruz.

Título inesperado
Apesar de todo o sucesso e apoio, Diana nem pensava em participar do concurso. Em entrevista ao G1 antes do início dos rodeios, ela contou que foi inscrita por dois amigos, sem a sua autorização.

“Depois acabaram me convencendo a participar, principalmente porque amo festa de peão. Tive muito medo de ser julgada, pensei várias vezes em desistir do concurso, mas fiquei surpresa quando vi que a maioria esmagadora da cidade torcia por mim. Todos me diziam que eu ia ganhar, mas confesso que não levava fé que fosse acontecer e depois que ganhei fiquei assustada sem acreditar”, conta.

Agora ela espera servir de inspiração para outras transexuais. “Fico feliz de quebrar esse tabu, que foi só mais um em minha vida. Sinto que posso servir de espelho para muitas, acho que outras mulheres trans podem sim participar de concursos desde que se encaixem nos pré-requisitos exigidos pelo concurso.”

Participe deixando seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Leitura de noticias - Abaixo Pequeno
Notícias Eventos Agenda Garota Whatsapp Vídeos Foto da Galera Vídeos Fale Conosco
Marca Rodapé

 

Nas redes:   Facebook Instagram Youtube

Livre a reprodução do conteúdo com citação da fonte, com exceção para material de terceiros, como de agências, sites, blogs e colunistas, e casos que possa requerer autorização individual. Conteúdo de terceiros é de inteira responsabilidade de seus autores.
Yes Mania - Aqui o foco é você!
© 2017 Todos os diretos estão reservados.
Whatapps

Ao cadastrar seu número você aceita o termo de conduta.


 
 
 
 
Obrigado por se cadastrar em nosso sistema, a qualquer momento você poderá receber nosso Boletim Informativo em seu aplicativo "WhatsApp".