Ariquemes

Ariquemes, RO

Boa Noite hoje é: 12/12/2018

  Facebook   Instagram

Compatilhar no Facebook

Saída de cinco médicos cubanos gera reajustes nos atendimentos em Ariquemes

facebook
  
  
G1 - Notícias | 28/11/2018 11h51 | 585 vizualizações

Cinco médicos cubanos que atuavam pelo programa Mais Médicos em Ariquemes (RO), no Vale do Jamari, deixaram a cidade na última semana após Secretaria Municipal de Saúde (Semsau) ser notificada pelo Ministério da Saúde de que os cooperados deveriam deixar os postos até o dia 30 de novembro.

A maioria dos profissionais estrangeiros trabalhavam nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e com a saída deles, apenas três médicos brasileiros permaneceram no município para desempenhar as funções.

O diretor da UBS do Setor 2, Emerson Martins, explicou que foi preciso fazer um reajuste no cronograma da unidade para conseguir oferecer os atendimentos de saúde à população.

“Teremos um médico da unidade de saúde do Setor 6, que realizará o atendimento para a população. Então ele atenderá durante um período do dia por lá e no outro período, nós agendaremos os pacientes pra ele vir atender aqui no Setor 2, sendo de terça a sexta-feira, no período da manhã”, detalhou Emerson.

A Franciane Pedro Ramalho está grávida do terceiro filho e disse que foi atendida várias vezes por uma médica cubana na UBS do Setor 2.

“Tenho gravidez de alto risco e a médica me atendeu superbem, ela prestou um excelente trabalho. Com certeza, ela fará muita falta, por que são médicos né [sic] e todos eles ajudam a gente de alguma forma”, comentou.

De acordo com a Semsau, o Ministério da Saúde conseguiu repor com bastante agilidade as vagas deixadas pelos médicos estrangeiros, com a divulgação do edital de convocação no dia 19 de novembro e a substituição dos médicos no último dia 23 de novembro.

Mas além do problema com a saída dos médicos cubanos, o município ainda teve a perda de outros oito médicos brasileiros. Isso por que eles se inscreveram no programa Mais Médicos, mas para preencherem vagas de outras cidades.

“Tivemos o prejuízo com relação aos outros médicos brasileiros, tendo em vista que o edital da convocação foi aberto para o Brasil inteiro. Então, alguns deles que trabalhavam no município estão se mudando para outras cidades, pois passaram na convocação do programa”, destacou o secretário adjunto da saúde, Fabrício Smaha.

Pedindo pela compreensão dos moradores, a Semsau acredita que todos os atendimentos devem ser nomalizados em breve com a chegada de novos médicos no município.

"Vamos demorar pelo menos uns 15 dias para repor esses profissionais de forma satisfatória e isso pode gerar uma deficiência no atendimento por alguns dias, pode ser que não, talvez ocorra tudo bem e a gente consiga repor com agilidade”, concluiu o secretário adjunto da saúde.

Saída de cinco médicos cubanos gera reajustes nos atendimentos em Ariquemes
Participe deixando seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.




Notícias Eventos Agenda Ensaios Whatsapp Vídeos Foto da Galera Fale Conosco
Marca Rodapé

 

Nas redes:   Facebook Instagram Youtube

Livre a reprodução do conteúdo com citação da fonte, com exceção para material de terceiros, como de agências, sites, blogs e colunistas, e casos que possa requerer autorização individual. Conteúdo de terceiros é de inteira responsabilidade de seus autores.
Yes Mania - Aqui o foco é você!
© 2018 Todos os diretos estão reservados.
Whatapps

Ao cadastrar seu número você aceita o termo de conduta.


 
 
 
 
Obrigado por se cadastrar em nosso sistema, a qualquer momento você poderá receber nosso Boletim Informativo em seu aplicativo "WhatsApp".